sexta-feira, 15 de outubro de 2010

Flores no jardim da minha vida

 www.mundodeflores.com/images/flores.jpg

Outro dia passei em frente à Escola Estadual. Na minha época de estudante era chamado de Grupo Escolar.
Das coisas que vivenciei ali me lembro do som do sino tocado por um puxão de corda, da disciplinária Dona Julieta que organizava a fila para a entrada na escola e de quando ela recebia de alguma criança uma flor e enrolava o cabo até as pétalas caírem.
Lembro-me também da diretora Dona Maria, magra e com sua boca torta metia medo na garotada.
Mas com carinho lembro-me mais das professoras: Dona Lú, Dona Zazá e Dona Iza. Todas muito bravas! Só de entrarem na sala todos se calavam e estudavam, principalmente para não levar o castigo de ficar copiando frases depois da aula.
Hoje comemoramos o “dia dos professores” e eu peço a Deus que lhes proteja e lhes conceda muitas felicidades. Não só a elas, já aposentadas e idosas, mas a todos que de alguma forma contribuíram para fazer de mim uma cidadã instruída e capaz de fazer pelos meus alunos pelo menos parte do que os meus mestres fizeram por mim.
Os professores são pessoas que fazem a diferença, num universo de abandono e descaso do poder público para com a educação.
Apesar da baixa remuneração e das difíceis condições de trabalho eles insistem em EDUCAR.
Meus professores serão sempre flores no jardim de minha vida.

7 comentários:

  1. Tenho saudade de tantos professores... tive a sorte de ter bons professores na vida.

    então entendo o seu sentimento!
    bom dia e boa sexta

    ResponderExcluir
  2. Bom dia, Anabela
    Faço minhas as suas palavras. Também passaram pela minha vida professores maravilhosos, que eu jamais esquecerei.
    Parabéns para todos eles, que apesar do imenso desafio que enfrentam, continuam firmes na sua missão.
    Bjos

    ResponderExcluir
  3. Parabéns amiga
    Nós aqui comemoramos o Dia do Professor noutra data, mas a intenção é a mesma.
    Um beijinho para todos os professores brasileiros.
    Lourdes

    ResponderExcluir
  4. Quando eu penso no quanto ganham os jogadores de futebol, os artistas de televisão e os políticos, só posso considerar os professores os verdadeiros heróis da pátria!

    Beijo

    ResponderExcluir
  5. Linda homenagem aqueles que estão tão desprestigiados... Um beijo, Deia.

    ResponderExcluir
  6. Oi Ana,

    vc estudou na E.E. Bueno Brandão???

    bjs

    ResponderExcluir
  7. Aqui os professores andam tão desanimados quanto aí; hoje niguém lhes dá o verdadeiro valor, nem os pais, nem os alunos e muito menos o poder político. Também aqui eles são desrespeitados pelos alunos e agredidos até pelos pais. No entanto continuam firmes na sua arte de educar. Infelizmente os pais de hoje não sabem dar educação e os filhos são uns insurretos. A escola defronta-se com graves problemas de disciplina e o poder politico tirou toda a autoridade aos professores; os meninos é que mandam. Aos poucos o governo está entendendo que o professor tem que exercer alguma autoridade e já está permitindo algumas formas de castigo, mas ainda é muito pouco. Também tenho uma filha professora e eu não sou mas gostaria de ter sido, A educação é a minha paixão; tirei o curso de secretariado, mas arrependi-me. Pude felizmente exercer a minha paixão ensinando os meus filhos e ainda hoje dou algumas aulas particulares simplesmente porque adoro. Um beijinho e muitos parabéns pela profissão que tem. Não desista nunca das flores na sua escola
    Emília

    ResponderExcluir

Seu comentário é muito importante para mim. Seja benvindo e volte sempre!