segunda-feira, 16 de janeiro de 2017

Furquim


cidades históricas de Minas Gerais


Furquim no século XVII foi um arraial de mineração do ouro nos arredores da Vila do Carmo, hoje cidade de Mariana, município do qual faz parte como distrito. Fica na região central de Minas Gerais, especificamente na área denominada de quadrilátero ferrífero ou zona metalúrgica.O nome do lugar é uma homenagem ao bandeirante paulista  Antônio Furquim da Luz, o descobridor das minas da região em 1704 e fundador do arraial do qual foi expulso pela rebeldia de forasteiros portugueses, ataques de índios, surto de doenças e fome.


É um vilarejo típico do interior. Não possui bons hotéis, restaurantes e outros confortos que o visitante mais exigente possa necessitar. O interessante de se conhecer no lugar é mesmo o estado quase pitoresco e pacato da vida que ali se pode levar.


conheça Minas Gerais


Para quem quiser fazer uma visita rápida de carro, a partir da cidade de Mariana são em torno de 28 km e partindo da capital mineira, Belo Horizonte, algo em torno de 150 km. Transporte público com horários marcados e reduzidos se consegue a partir de Mariana, mas não dá para garantir um bate e volta. Se necessitar de pouso somente encontrará duas pousadas muito simples. Normalmente nesses lugares os moradores abrem suas casas para a gente de fora que lhes parecer de confiança.

Na área central conservam-se ainda as características tipicas das povoações do século XVIII, com uma rua principal estreita e comprida, calçadas de  alvenaria em pedra  e casarões coloniais. O que se mistura à modernidade de ruas asfaltadas, tirando nesse caso, o ar bucólico e empoeirado.


Distrito de Mariana


Sobressai no conjunto a igreja matriz, de devoção ao Bom Jesus do Monte, erguida entre 1745 e início do século XIX. E uma capela dedicada a nossa Senhora do Carmo, também do século XVIII, sem a construção original completa devido a  um incêndio em  1999.


Matriz do Bom Jesus


Outros pontos interessantes do lugar são o prédio da antiga estação ferroviária datado de 1926, que funciona como centro  cultural.


Estação ferroviária


A usina hidrelétrica construída para gerar energia para a Alcan -Alumínio do Brasil,   casarões coloniais, os passos da via sacra e o cruzeiro patriarcal.



As atrações naturais são as águas dos ribeirões do Carmo e Gualaxo com suas cachoeiras. 



Há festas  tradicionais  realizadas como em todo vilarejo de origem católica aqui em Minas. 

O comércio de especiarias do local tem por base o artesanato de pedra-sabão, madeira e couro, doces em compota e cachaça.

46 comentários:

  1. Não tenho dúvidas que se eu morasse por aí, iria conhecer essa lindeza, que gracinha! Tem muito daquele ar 'antiguinho', bucólico! Eu que adoro antiguidades...
    Beijo grande, amiga! Uma boa semana.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, eu também acho um charme esses antigos vilarejos e por aqui existem muitos no entorno das cidades históricas do século XVIII. Obrigada pela visita e volte sempre!

      Excluir
  2. Oi Anabela, vim retribuir sua visita e aqui encontro este post o qual me faz conhecer um pouco do Estado de Minas Gerais. Lugares que retratam a história de uma época na qual não vivemos. Lugar tão tranquilo ! Esta cachoeira é bem convidativa,rrss. Foi bom conhecer por suas lentes este pedacinho do nosso Brasil.
    Tudo de bom,bjsss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pela visita Maria Claudia e volte sempre! bjs

      Excluir
  3. Anabela, na minha primeira viagem ao Brasil visitei Minas Gerais e aí, entre outras cidades, visitei Ouro Preto, uma verdadeira cidade portuguesa.
    Nessas fotos identifico o mesmo traçado - poderia muito bem ser uma aldeia portuguesa perdida no meio das montanhas.
    Conclusão - sim, nós estivemos aí e sim, nós deixámos marcas.
    Beijinho grande da Nina

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E como estiveram... por todos os lados há indicios da presença portuguesa no Brasil. Acho que diferentes, porque cada região trouxe a sua tradição. Obrigada pela visita e volte sempre!

      Excluir
  4. Boa Tarde, querida Anabela!
    Tudo tão bonito em termos de cultura!
    Gosto muito de valorizar o que acontece há tempos e tem sentido de ser...
    Bjm muito fraterno

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom para se fazer um rtiro em família e interagir com as poucas famílias que ali vivem. Bjs e obrigada pela visita.

      Excluir
  5. Maravilhoso post.... Maravilhosa Historia....Maravilhoso local...Amei

    Beijo de boa noite

    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gosto de mostrar o que a grande mídia não mostra. As pequenas coisas e datalhes da minha terrinha. Obrigada por vir! Bjs

      Excluir
  6. Olha, Anabela, desconhecia este local, bonitinho, simpático, gostei do lugar.
    Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A região de Ouro Preto e Mariana é cheia de distritos bucólicos assim. Dê uma passada por lá quando puder. Obrigada pela visita. Bjs

      Excluir
  7. Anabela, que delicia conhecer esse lugar através do seu post...
    Lindas fotos e muito bem escrito!
    De novo, que delicia vir aqui...
    Andréia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. que bom que você gostou de conhecer um grãozinho do caminhão de areias que temos aqui em Minas Gerais! Amo muito!!! Bjs

      Excluir
  8. Ser presenteada com tanta informação e com fotos maravilhosas que refresca a alma ,Deus sabe o que faz e é muito bom saber a história de cada cidade , Vila ou Aldeia. Beijinhos fique com Deus

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, Deus nos deu um mundo de oportunidades para sermos felizes. Basta olharmos ao nosso redor. Meu blog é assim, feito de pequenas coisas criadas por Deus. Obrigada pela visita.

      Excluir
  9. Anabela querida, já cá estou como sua mais recente seguidora. Beijinhos

    ResponderExcluir
  10. Sempre tive muita vontade de explorar o interior do Brasil, sobretudo Minas Gerais, fazer o caminho real, procurar traços de Dona Beija de Araxá. O seu blogue é uma agradável surpresa. Vou viajando aqui enquanto não atravesso o atlântico!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quando vier vai gostar por demais. Obrigada pela visita e venha sempre!

      Excluir
  11. Lindo e pitoresco Anabela
    O seu blog , lembra me outro blog de uma querida amiga ( cadeirinhadearruar) onde tenho aprendido imenso sobre o interior do Brasil
    Parabéns . Bjis

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pela visita e pelos elogios ao blog. Volte sempre!

      Excluir
  12. Respostas
    1. Obrigada pela visita e volte sempre que quiser!

      Excluir
  13. Minas Gerais com suas muitas belezas... Grande e maravilhoso estado!...
    Obrigada pela visita no Vida & Plenitude...
    Muita paz e um abraço...

    ResponderExcluir
  14. Lindo...tenho tanta vontade de conhecer Minas.
    Um dia quem sabe!
    A praia que eu veraneio todos os anos é na Pinheira S.Catarina, linda pequena e com outras praias ao redor, dá para ir a pé.
    obrigada pela visita , estou ficando ppor aqui bj

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah sim! Pensei que fosse uma praia do RS. Na verdade conheço os estados do sul, porém só algumas cidades mais famosas pelo turismo. De Santa Catarina já fui a Camboriú e Florianópoles. Bjs

      Excluir
  15. Adoraria conhecer, tenho um amor por lugares assim, bem no interiorzão. E Furquim parece ser um charme, adorei as fotos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aqui tem muitos vilarejos assim nas proximidades das cidades históricas do século XVIII. Obrigada por vir me visitar! Bjs

      Excluir
  16. Que Paraíso!Gostei da sua ida ao Cadinho e comentário, grato. Agora te convido para entrar em sintinia conosco pela nossa www.hellowebradio.com .... você.
    Cadinho RoCo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sem dúvida vou sintonizar. Gratidão pela visita!

      Excluir
  17. Menina... que lugar é esse?
    Vou mostrar para o meu marido e ele vai amar.
    A gente sempre houve falar sobre as belezas de Minas e recentemente conhecemos um pedacinho de Ouro Fino. Eu estou simplesmente "in love". Amo a natureza e ver tudo isso num local só me causa suspiros.

    Fiquei muito feliz com sua visita na caverna e mais feliz ainda por saber que vai participar do Projeto \o/\o/\o/. É um modo de incentivo para realizarmos e continuarmos sempre em movimento. Afinal, estagnar causa depressão. Nos motivamos uns aos outros e isso é muito bom. Vou amar ter sua participação!

    Vou ver o outro bloguinho que vc tem e vou mostrar esse para marido. Ele vai se apaixonar como eu.

    Abraços esmagadores e um ano lotadinho de bênçãos e realizações para você.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pela visita! Adorei saber que você gostou do meu blog.Estaremos juntas no Projeto. Bjs.

      Excluir
  18. Olá Anabela, vim agradecer e retribuir a sua amável visita ao meu Berço.
    Gosto muito de MG (ai a comida....) e também de história, então, foi um prazer chegar aqui. Já morei um ano no Brasil mas não conheci tanto quanto gostaria do seu país, porque esperava ficar mais tempo... mas a vida raramente é aquilo que planeamos. Então, conheço BH, Mariana, Ouro Preto e o Inhotim (que amo, absolutamente). Depois, conheço Santos, Cássia dos Coqueiros e Ribeirão Preto (SP) e fui uma vez ao Rio de Janeiro e ao museu da TAM (em S. Carlos).
    Como vê, ficou muito por explorar...
    Voltarei para viajar com vc.
    Abraço
    Ruthia d'O Berço do Mundo

    P.S. Essa igreja de Furquim é parecida com a de Ouro Preto

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, a igreja de Furquim parece com as de Ouro Preto porque todas pertencem ao conjunto arquitetônico construído no século XVIII em estilo barroco mineiro. São contemporâneas e de forte influêcia portuguesa.Bjs.

      Excluir
  19. Olá Anabela vim conhecer seu blog pois te vi lá no blog da Márcia (poções de arte) e fiquei sabendo que também irá participar do 1 Projeto por mês 2017, já participo há uns dois anos e adoro... Vim conhecer teu cantinho menina e já vou avisando, adoro gente que tem cultura, adoro conhecer lugares novos e amei teu blog, já puxei uma cadeira e não saiu mais daqui... Levei seu link para meu blog Um xeru!

    Sandra
    http://pedacinhobysandra.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! Seja muito benvinda!!! Então nos encontraremos muito em 2017, não é mesmo? Eu tenho um blog só para blogagens coletivas, quando eu postar será o link dele que eu vou inserir na lista de participantes, mas o meu blog principal é esse aqui.Bjs

      Excluir
  20. Bom dia Anabela.
    Obrigada pela sua visita.
    Fiquei sua seguidora, mas a foto não apareceu;))!
    Gostei de conhecer Forquim.
    Fez-me lembrar algumas localidades portuguesas do interior também!
    Beijinhos e bom fim de semana.
    Ailime

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! Obrigada pela visita e por se tornar minha seguidora. Realmente a foto não apareceu ou melhor apareceu um quadrinho branco, mas quando se coloca a seta aparece seu nome.Quem sabe com o tempo isso se ajeita!? Bjs

      Excluir
  21. Muito bonito e, tal como diz a Ailime, faz lembrar Portugal do interior :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Minas Gerais tem muitas cidades e vilas fundadas por portugueses que aqui vieram em busca do ouro. Bjs

      Excluir
  22. Olá, Anabela!

    Uma bela aula de História regional. Lindas fotos.

    Agradeço sua visita e comentário.

    Beijos e bom fim de semana.

    ResponderExcluir
  23. Mais uma bela viagem e informação histórica de uma pacata cidade do interior com suas peculiaridades. Estive ai nos anos 70 era ainda bem mais calma.Gostava aos domingos de conhecer as cidades próximas de minha Itabira, numa viagem de bate e volta, como dizíamos vamos ali para uma cerveja e voltávamos no fim do dia.
    Aqui as informações tornam mais interessante a cidade.
    Grato amiga.

    ResponderExcluir

Seu comentário é muito importante para mim. Seja benvindo e volte sempre!