sábado, 22 de abril de 2017

O museu do Ouro em Sabará


Casa da Intendência em Sabará


Situado na Rua da Intendência e abrigado num imponente sobrado remanescente do séculos XVIII, o Museu do Ouro possui um interessante acervo que informa sobre a história da exploração do ouro e outros minerais no estado de Minas Gerias.

A construção serviu  como sede da Casa Real da Intendência e Fundição do Ouro. Em 1840, com a decadência da mineração, a casa foi levada a leilão e passou a ser usada como residência e escola. Em 1946 passou a funcionar como Museu do Ouro por decreto do Governo federal.

Seu acervo é composto por objetos ligados à mineração como ferramentas, maquetes de minas, documentos escritos, desenhos e imagens expostos na parte inferior. No andar superior há reprodução de ambientes domésticos cotidianos na forma de quartos, salas, espaços destinados a objetos religiosos católicos. No pátio externo há um engenho de triturar minério de ouro projetado pelo Barão Eschwege.

Como não é permitido fotografar o acervo, indico um vídeo para quem se interessar em conhecer o museu por dentro: 



12 comentários:

  1. Muito obrigado pela partilha querida amiga, desejo-lhe um fim de semana cheio de felicidade, beijinhos

    ResponderExcluir
  2. Interessante e por certo vale bem a visita!bj

    ResponderExcluir
  3. Maravilhosa postagem Adorei


    Beijos e um bom Domingo.

    ResponderExcluir
  4. Foi bom conhecer essa história, sempre enriquecemos.
    Um beijo, Anabela.

    ResponderExcluir
  5. Gostei de saber sobre o museu do ouro em Sabará. Obrigada por partilhar.
    Uma boa semana.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  6. Oi Anabela
    Já estive neste museu, há trocentos anos, minha filha mais nova ainda estava no carrinho, era bebê, hoje já esta com 2.6.
    Lembro-me pouco dele, reconheci pela fachada.
    Beijo.

    ResponderExcluir
  7. Olá amiga. Dei uma sumida, mas aos poucos estou retornando ao bailar das ondas. Muitos já sabem o motivo do meu afastamento: Papai do Céu chamou minha mãezinha para brincar no infinito e, aos poucos vou voltando a vida, seja ela dentro ou fora da tela. O motivo de eu vir aqui é para te convidar para junto comigo neste momento de dor fazer uma grande festa para minha mãezinha e todas as mães do mundo. E como será esta festa? Da forma que a Lindalva blogueira faz há anos. No meu Simplesmente Lindalva está explicado como, quando e onde. Beijos doces no teu ♥ (DESCULPE É UM CONVITE COPIA E COLA, NÃO PODERIA SER DE OUTRA FORMA.
    http://sereia-lindalva.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  8. Sempre é bom novos conhecimentos, Gostei de aprender um pouco mais.
    Um abraço. Élys.

    ResponderExcluir
  9. Gosto de passar por aqui, sempre aprendo um pouco mais. Assisti o vídeo e achei bem interessante.

    ResponderExcluir
  10. Era a Fábrica de Ferro Jean de Monlevade que fabricava os componentes de ferro do Engenho de Eschwege, utilizado para processar o minério aurífero nas Minas de Ouro que passaram a ser exploradas pelas companhias inglesas, como em Gongo Soco e Morro Velho.

    ResponderExcluir
  11. Só a fachada já traz história... o país todo deveria cuidar mais deste tipo de construção. Fiquei curiosa para ver a reprodução dos ambientes domésticos.
    Abraços e feliz dia.

    ResponderExcluir
  12. Anabela, boa noite!
    Adorei ler sobre o museu. gostaria de conhecer o andar superior, gosto de ver detalhes sobre a vida antiga.
    Beijinhos!

    ResponderExcluir

Seu comentário é muito importante para mim. Seja benvindo e volte sempre!